Pois é. Mordi a língua.

Desde que a onda dos esmaltes fosco chegou ao Brasil, depois de virar hit na gringa, eu só sabia resmungar como eles eram feios, como o efeito na unha ficava estranho e como eu nunca usaria-os! Cheguei a dar uma chace e experimentei o Pedra Granada, mas quando vi o acabamento fosco, tasquei o extra-brilho sem dó.

Mas como o mundo dá voltas, aqui estou eu com o novo esmalte da Risqué, o 01 – Preto Fosco e estou a-man-do! Hahaha!

Tudo bem que tive que recorrer à técnica da inglesinha (francesinha ao contrário) – com a pontinha brilhosa contrastando com o efeito fosco – para achar o acabamento razoável, mas já é um baita avanço, né?

Falando especificamente sobre o esmalte, a sua cobertura é excelente (uma camada já cobre tudo; mas na foto, eu passei duas), a secagem é bem rápida (supera qualquer Camada Única) e a duração está me parecendo ok, mas só posso dar o veredito final daqui a alguns dias. O único ponto negativo, é que fez algumas bolinhas; nada fora do normal, mas fez.

Para conseguir fazer essa inglesinha da foto, deixei as duas camadas do esmalte secar e passei uma camada de base incolor só na pontinha. Escolhi a base incolor por acreditar que ela dá mais brilho que o próprio extra-brilho, mas tanto este como um esmalte preto cremoso comum criam o mesmo efeito.

O 01 – Preto Fosco é o primeiro esmalte da Risqué que segue o conceito fast fashion, já conhecido graças às lojas de departamento, que nada mais é do que a idéia de produzir com rapidez, em quantidades reduzidas, oferecendo ao consumidor acesso à novidades mais freqüentemente. Sendo assim, as edições da Risqué Fast Fashion serão limitadas (lote único); os esmaltes não terão nomes, mas sim números; e serão lançados aleatoriamente, de acordo com o ritmo de desenvolvimento das novas cores.

O esmalte já chegou nas lojas / farmácias de todo o país e custa cerca de R$2,75. Corra para garantir o seu!

Anúncios